Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

sábado, 19 de janeiro de 2019

Bélgica: 10 mil estudantes nas ruas, pelo Clima

  • Na Bélgica, mais de 10 mil estudantes voltaram a faltar às aulas para participar numa marcha exigindo mais e melhores medidas de combate aos impactos das alterações climáticas. Apesar da chuva e do frio, a marcha de protesto em Bruxelas foi maior do que a da semana passada. Cartazes como «A Escola pelo Clima» e «Faltamos às aulas? Não. Lutamos pelo nosso futuro», destacaram-se no cortejo, que não registou qualquer incidente. Patrick Lancksweerdt, diretor de uma escola local, disse ao jornal De Standaard que «a educação tem que transformar jovens em cidadãos maduros. Estas ações provam-no». ABC.
  • A Assembleia Nacional francesa aprovou uma lei explicitando que o óleo de palma «não é um biocombustível» e não terá direito a benefícios fiscais a partir de 1 de janeiro de 2020. A massificação das plantações de palma têm contribuído para a desflorestação de países do hemisfério sul. EURActive.
  • A chinesa Sungrow aliou-se à espanhola Solaria para implantar12 centrais solares em Cáceres, Valladolid, Salamanca, Toledo, Cuenca e Huesca para abastecer um total de 150 mil pessoas. Energías Renovables.
  • A Noruega atribuiu direitos de exploração de petróleo sobre 83 licenças de produção na Plataforma Continental Norueguesa a 33 companhias, o que constitui o maior número alguma vez atribuído numa ronda de licenciamentos. A norueguesa Equinor, a sueca Lundin Petroleu e a alemã DEA adquiriram, respetivamente, 29, 15 9 licenças no Mar do Norte, no Mar da Noruega e no Mar de Barents. JE do Mar.
  • A chinesa General Nuclear Power Corporation vai apresentar planos para construir uma central nuclear no Reino Unido, ajudando a preencher a lacuna provocada pelo fracasso de dois projetos japoneses. Recorde-se que a Hitachi e a Toshiba tinham anunciado o abandono dos seus projetos. Reuters.
  • O ministério do Ambiente da Arábia Saudita impôs a proibição da importação de cebolas do Egito por ter detetado níveis inaceitáveis de resíduos de pesticidas em carregamentos de cebolas importadas daquele país. MEM.
  • Minneapolis está a registar um aumento significativo de instalações solares em bairros economicamente desfavorecidos, resultado de um novo programa para direcionar o investimento nessas áreas sem deslocalizar moradores e empresas existentes. Energy News Network.
  • Níveis perigosos de chumbo foram detetados nas águas que saem das torneiras de 16 das 108 casas testadas o verão passado em Bergen e Hudson, admite a operadora Suez North America. A companhia, que abastece 800 mil clientes no norte de New Jersey, atribui o problema à antiguidade das tubagens. NJ Spotlight.
  • Após anos de defesa e proteção do Ambiente em suas plataformas, Barbra Streisand e Gisele Bündchen são homenageadas no próximo mês na Hollywood for Science Gala do Instituto do Ambiente e Sustentabilidade da UCLA. People.
  • A imagem limpa e verde da Nova Zelândia sofreu forte mossa o verão passado, quando os turistas que viajavam pelo interior do país divulgaram fotos de lagos e rios contaminados por efluentes agrícolas, lixo e fezes humanas. 60% das águas desses lagos e rios são impróprias para banhos, admitira o próprio ministério do Ambiente em 2014. A semana passada, mais de 13 mil pessoas subscreveram uma petição da Greenpeace apelando à proibição do uso do fertilizante à base de nitrogénio sintético, considerado o principal ingrediente responsável pela conta,minação das águas superficiais do arquipélago. Reuters.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue