Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Reino Unido: Hitachi abandona projetos de duas centrais nucleares

  • Os Ecologistas en Acción denunciaram à Comissão Europeia e ao Parlamento Europeu a construção ilegal de uma zona industrial em pleno Parque Natural da Serra de Grazalema que está a provocar um grande impacto ambiental. Esta é uma Zona de Proteção Especial para as Aves e uma Zona Especial de Conservação.
  • A EDF desenvolve o seu primeiro projeto fotovoltaico flutuante, que será o maior da França.  Situa-se na albufeira da barragem de Lazer, nos Hautes-Alpes, ao lado da barragem de Saint-Sauveur, na região de Provence-Alpes-Côte d’Azur. Desenvolvido pela Akuo Energy, a central fornecerá energia para 7 mil pessoas. PVMagazine.
  • Muitos cidadãos holandeses pediram ao supremo tribunal do país para pôr fim imediato à extração de gás natural na região de Groningen devido ao aumento do risco de terremotos. A extração está a ser levada a cabo pela NAM, um consórcio formado pela Shell e pela Exxon Mobil. Reuters.
  • A Hitachi suspendeu o projeto de construção da central nuclear de Wylfa, no norte do País de gales por rutura no acordo financeiro entre os governos nipónico e britânico. A Hitaahi vai também abandonar o projeto da central nuclear de Oldbury, em Inglaterra. O risco de aumento de custos e preocupações com segurança, aliado à concorrência mais apertada por parte das renováveis e do gás levou a que quase todos os projetos apoiados pelo Japão fossem abandonados devido à falta de investidores.
  • Os ambientalistas na Bulgária obtiveram uma vitória após uma longa batalha judicial para impedir a ampliação de uma estância de esqui nas montanhas Pirin, Património Mundial da UNESCO. AFP.
  • A União Europeia doou € 10.981.643 para projetos de pesquisa de carvão em 2018 como parte do Fundo de Pesquisa para Carvão e Aço da Comissão Europeia (RFCS). Os destinatários incluíram, entre outros, o Grupo Mineiro Polaco,  a alemã RWE (proprietária da Npower) e a Tata Steel UK. Os projetos financiados incluíam um esquema para converter lenhite em combustível líquido, um esforço para melhorar a competitividade do carvão mineral e outro para a gaseificação subterrânea de carvão, uma técnica controversa para transformar carvão em gás. Unearthed.
  • O Egito assinou um contrato de empréstimo de 1,2 biliões de dólares com o Export-Import Bank of China (EximBank) para financiar um projeto de ferrovia elétrica. MEM.
  • Dezasseis poços de cinzas de carvão no Texas estão a libertar contaminantes, nomeadamente arsénico, boro, cobalto e lítio, alerta um relatório do Environmental Integrity Project.
  • Melbourne é a primeira cidade na Austrália a ter todas as suas infraestruturas abastecidas com energia renovável. Isto significa que a iluminação pública, as bibliotecas, instalações desportivas, creches e edifícios do conselho são agora totalmente alimentados pela eólica de Crowlands. The Guardian.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue