sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Autarquia de Portimão impõe ordem na ria de Alvor

Nesta barragem, na Serra da Estrela, existe um canal responsável pelo desvio de águas da Ribeira das Naves até à albufeira da Lagoa Comprida. O túnel, construído em 1955, tem mais de 1500 metros e cria a ilusão de que a barragem está furada. O vídeo revela imagens fantásticas entre a Lagoa Comprida e o Covão dos Conchos.

  • A Câmara Municipal de Portimão rejeitou, por unanimidade, o projeto apresentado pela empresa Butwell para o Núcleo de Desenvolvimento Turístico da Ria de Alvor. Tudo porque a proposta da Butwell SA é «inaceitável» porque «não apresenta garantias suficientes de credibilidade, clareza, seriedade ou firmeza, não estando adequadamente esclarecida». O júri teve em atenção, na sua tomada de decisão, as sentenças em tribunal, por crime de dano contra a natureza devido a ações ilegais cometidas pela empresa concorrente e pelo então presidente do seu conselho de administração na Quinta da Rocha, a propriedade no coração da Ria de Alvor que era o objeto do projeto concorrente ao NDT. O júri acrescenta que, «como bem se comprova pelo elevado número de participações em sede de consulta pública que se referem a este facto, estas condenações criaram já um grande alarme social que lança dúvidas sobre a idoneidade e honorabilidade da concorrente para o desenvolvimento deste projeto». Além disso, o projeto enfermava de «omissões» e «insuficiências», que já tinham suscitado dúvidas na fase de qualificação da proposta e que foram depois reforçadas ao longo do processo, nomeadamente na fase de consulta pública. Entre essas «omissões» e «insuficiências» detetadas na caracterização da área, estavam as que se referiam às «servidões e restrições de utilidade pública e à cartografia dos valores naturais em presença, nomeadamente os habitats da RN2000». Sul Informação.
  • A Guarda Civil espanhola pediu aos agricultores que denunciassem a presença de aeronaves que utilizam produtos químicos para a dissolução ou desintegração de nuvens  através do número 062 de emergência, a fim de poder verificar e investigar essas áticas que, fazendo diminuir substancialmente a precipitação aumenta os riuscos de seca e outros problemas ambientais. La Informacion.

Sem comentários: