Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

sábado, 12 de outubro de 2019

Londres: Extinction Rebellion bloqueia entrada da BBC e exige rigor e verdade na cobertura dos protestos climáticos

  • Ibiza produziu meia tonelada de lixo por pessoa este ano, 14% acima do resto da Europa, o dobro do que um espanhol médio produz, diz um estudo da Ibiza Preservation Foundation. Tudo por causa dos turistas: mais de quatro milhões de pessoas desembarcaram nas suas praias, um quarto deles do Reino Unido. E o que está a ser feito para tentar resolver o problema? Os promotores da movida fazem campanhas para angariar voluntários para limpar as praias e há bares e clubes noturnos a promover o abandono da utilização única de produtos de plástico. BBC. Bravo. Os produtores de plástico podem continuar a produzi-lo porque haverá sempre alguém suficientemente ingénuo e generoso para limpar as montanhas de resíduos plásticos descartados no entusiasmo ruidoso das noites de Ibiza e outros locais de consumo de massas.
  • A bacia do Mediterrâneo está a aquecer mais depressa do que o resto do planeta, alerta  Wolfgang Cramer, diretor científico do Instituto Mediterrâneo de Biodiversidade e Ecologia de França. El País.
  • O governo alemão vai aumentar os impostos sobre voos na Europa de 7,50 para 11,25 euros para intensificar as suas medidas de proteção climática. Reuters.
  • Os manifestantes da Extinction Rebellion bloquearam a sede da BBC, pedindo à emissora britânica de serviços públicos que trate a crise mudanças climática com a mesma gravidade que a Segunda Guerra Mundial e conte ao público a verdade. Reuters.
  • Os protestos ambientais são agora frequentemente relatados nos media, e o movimento verde está finalmente a receber a atenção que merece. Mas a maior parte do foco está nas atividades de grupos, como a Extinction Rebellion, que não estão fortemente enraizadas nas organizações e comunidades da classe trabalhadora. Isso é um problema porque, se queremos construir o amplo suporte necessário para uma transição radical para a sustentabilidade, precisamos de reconhecer e desenvolver todas as vertentes do ambientalismo, especialmente a da classe trabalhadora, defende Karen Bell no The Guardian.
  • A Google ajuda a financiar mais de uma dúzia de organizações que se opuseram a medidas para impedir a crise climática. Entre centenas de grupos que a empresa listou na sua página como beneficiários das suas doações políticas, há mais de uma dúzia de organizações que fizeram campanhas contra a legislação climática, questionaram a necessidade de ação ou procuraram ativamente reverter as proteções ambientais da era Obama. The Guardian.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue