Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

França e Alemanha: agricultores vão ser indemnizados por contamninação das suas culturas com estirpe transgénica



  • Agricultores franceses e alemães foram forçados a desentrrar milhares de hectares de campos de colza depois de as autoridades terem encontrado uma variedade ilegal trasngénica misturada com as sementes naturais que tinham adquirido à Bayer-Monsanto. A descoberta foi feita o ano passado, mas quando a Bayer emitiu um alerta de recolha, muitas sementes de marca DEKALB já tinham sido lançadas à terra, cobrindo 8.000 ha na França e 3.000 ha na Alemanha. A Bayer-Monsanto propõe-se indemnizar ao agricultores franceses e alemães em 20 milhões uma vez que a safra desta época está fora de questão, o mesmo acontecendo com a de 2020 para evitar o ressurgimento da cepa transgénica. RT.
  • A Comissão Europeia considerou o óleo de palma como responsável por desflorestação massiva e elevado volume de emissões. EURactiv.
  • O VW golf já é mais barato de comprar e manter do que as alternativas em gasolina ou gasóleo em países como o Reino Unido, a Alemanha, a França, a Holanda e a Noriega, conclui um estudo do International Council for Clean Transportation (ICCT). The Guardian.
  • Uma invasão de cerca de 50 ursos polares causou uma situação de emergência em Belushya Guba, no arquipélago de Novaya Zemlya, Ártico, a 1200 milhas a nodeste de Moscovo. Há muito que os cientistas avisam que o gelo marinho está a recuar no Ártico, o que representa uma ameaça direta para os ursos e aumenta a probabilidade de encontros com seres humanos. USA Today.
  • A Shell está a ser julgada por responsabilidades em graves violações dos direitos humanos levadas a cabo pelo governo nigeriano contra o povo Ogoni nos anos 1990s. Esther Kiobel, Victoria Bera, Blessing Eawo e Charity Levula estão a processar a Shell por responsabilidades na prisão, detenção e eliminação dos seus maridos pelas forças armadas nigerianas, após uma brutal repressão aos protestos Ogoni contra a devastadora da região pela poluição da Shell. 
  • O Dakota do Norte pondera elaborar e aprovar uma lei para restringir o acesso público a informações críticas de infraestruturas relacionadas com oleodutos. The Intercept.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue