Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

quinta-feira, 12 de setembro de 2019

Açores: ambientalistas propõem Parque Botânico nas Lagoas do Congro e dos Nenúfares

  • «Hoje, 10 de Setembro, assisti aos últimos minutos de uma longa vida. A araucária que ficava em frente ao portão do Liceu Antero de Quental (do lado dos rapazes), com cerca de 200 anos de idade, teve de ser abatida, por mostrar sinais de doença, constituindo perigo para as pessoas e bens que por ali estivessem ou passassem. Isso depois dela ter sido atingida por um raio, há tempos, segundo dizem. Foi uma árvore que viu muitas gerações de alunos entrarem e saírem por aquele portão, uns apressados e outros nem por isso. Também foi ela que testemunhou o que se passou em frente ao palácio da Conceição, no histórico dia 6 de Junho. Milhentas coisas teria ela para contar ao longo dos seus dois séculos de vida. Só ela viu quão nervoso eu estava, quando, à sombra do seu grande tamanho, num dia de primavera, eu, pela primeira vez, pedi namoro a uma rapariga do meu tempo de liceu. Ficam as recordações.» Weber Da Rocha Borges.
  • Em 2000, os Amigos dos Açores-Associação Ecológica, apresentaram uma proposta de classificação das Lagoas do Congro e dos Nenúfares como área protegida, o que viria a acontecer em 2007, ano em que o espaço foi classificado como Área Protegida para a Gestão de Habitats ou Espécies. Em 2008, Secretaria Regional do Ambiente e do Mar adquiriru uma parte daquela Bacia Hidrográfica, tendo, na altura, sido apresentada uma proposta de recuperação e gestão da área envolvente. Como, até à data o governo regional dos Açores nada fez para concretizar estas ideias, aquela associação lançou uma petição para se criar um plano de recuperação e gestão da mata ajardinada e para transformar o espaço num Parque Botânico.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue