Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

Novo México: água subterrânea contaminada devasta laticínio

  • Água subterrânea contaminada devasta um laticínio e ameaça a saúde pública. Acontece em Curry County, no Novo México, resultado do deslizamento de substâncias químicas perigosas que migraram da Cannon Air Force Base e que continuam a avançar inexoravelmente para o Ogallala Aquifer, o maior aquífero dos EUA, que se estende por 174 mil milhas e por zonas de 8 estados. O ministério da Defesa norte-americano conhecia o problema há décadas mas sempre o escondeu. Sabia que os produtos químicos PFAS são tóxicos para os seres humanos, animais e o ambiente. Em 2000, cientistas da indústria e da Agência de Proteção Ambiental tinham documentado que os compostos persistem no meio ambiente durante milénios. Eles estão ligados, entre outros problemas graves de saúde, ao cancro, doenças da tiróide, baixa imunidade e distúrbios do desenvolvimento. Pior: sabe-se agora, pelo próprio ministério da Defsa, que esses PFAS envenenaram as águas subterrâneas em pelo menos 121 instalações militares dos EUA. Até agora ninguém conhece as eventuais ações corretivas que serão tomadas por parte dos responsáveis. Searlight New Mexico e NM Political Report.
  • Um hidrólogo explica como a indústria de petróleo e gás contamina a água potável de Pavillion, em Wyoming.
  • Várias cidades da região de Kuzbass, na Sibéria, apareceram cobertas de neve enegrecida supostamente causada por uma fábrica de processamento de carvão. Aljazeera.
  • 35 thinktanks (laboratórios de ideias) baseados nos EUA, Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia foram patrocinados para promoverem os interesses das indústrias do tabaco e dos combustíveis fósseis, revela uma investigação conduzida por David Hsu, do MIT, com base no banco de dados de desinformação do DeSmog e no banco de dados de tabaco do Guardian. DesmogUK.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue