Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

terça-feira, 9 de julho de 2019

Mineração em águas profundas pode causar extinção de espécies únicas fundamentais para a cadeia alimentar.

  • O Reino Unido tem o maior projeto mundial de mineração em águas profundas (com a empresa de defesa norte-americana Lockheed Martin) e encomendou um relatório. O relatório concluiu que a indústria poderia causar a extinção de espécies únicas que são fundamentais para a cadeia alimentar. Unearthed.
  • 700 escolas inglesas dizem-se preocupadas com a segurança do amianto que cobre os seus edifícios e isola as suas tubagens. The Guardian.
  • Uma enorme maré de algas tóxicas levou ao encerramento de todas as praias ao longo da orla costeira do estado do Mississippi. As autoridades atribuem a maré ao excesso de chuvas e ao uso excessivo de fertilizantes. Gizmodo.
  • Cerca de 5 mil toneladas de bauxita, o minério usado na fundição de alumínio, escorregou para as águas da Baía de Kangava, na ilha de Rennell, Ilhas Salomão, durante uma operação de trasfega. Em fevereiro passado, a mesma zona foi vítima de forte contaminação de petróleo provocada pelo naufrágio de um petroleiro. The Guardian.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue