Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

terça-feira, 15 de maio de 2018

União Europeia autoriza agricultores biológicos a vender as suas próprias sementes

Imagem colhida aqui.
  • A câmara de Ovar abriu concurso público para a construção de um ecocentro. A nova infraestrutura será equipada com ecopontos subterrâneos e superficiais, com contentores de recolha seletiva e com mecanismos que permitam a otimização e o reforço das infraestruturas de triagem multimaterial, nomeadamente novas centrais de seleção, linhas de tratamento adicionais e equipamentos complementares como tapetes transportadores, crivos rotativos e separadores óticos, magnéticos, balísticos e de metais não ferrosos. DN.
  • A União Europeia aprovou legislação, que entrará em vigor em 2021, que autoriza os agricultores biológicos a vender as suas próprias sementes. Um decreto publicado em 1981 proibiu a comercialização de sementes não inscritas no catálogo oficial. Para serem registadas, as variedades propostas devem passar por uma série de testes, como os ensaios de DHE (distinção, homogeneidade e estabilidade) e de VA (valor agronómico). Mas a inscrição de uma nova semente custa aos produtores entre 6000 e 15 mil euros. É óbvio que, desta maneira, a maioria das variedades listadas no catálogo pertence a gigantes como a DowDuPont ou a Monsanto. The UniPlanet.
  • A maior unidade de reprocessamento e armazenamento de resíduos nucleares do Reino Unido poderá ser multada em milhões de libras após um funcionário ter sido exposto a altos níveis de radiação em 2017. Sellafield foi multada em 700 mil libras por enviar sacos de resíduos nucleares para uma lixeira normal. The Guardian.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue