Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

sábado, 14 de novembro de 2015

Autoridade Europeia de Segurança Alimentar acha que o glifosato não é cancerígeno


Imagem retirada daqui.
  • O biólogo angolano Pedro Vaz Pinto, que liderou o projeto da redescoberta das palancas negras gigantes, animal símbolo de Angola e ameaçado de extinção, acaba de ganhar a edição 2013 do Prêmio Internacional “Terras Sem Sombra”, na área de biodiversidade. Nascido em 1967, em Luanda, Pedro Vaz Pinto é formado em Engenharia Florestal, com especialização em Gestão dos Recursos Naturais, pelo Instituto Superior de Agronomia (Universidade Técnica de Lisboa) e é investigador do Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto. Revista Afro.
  • A Finlândia é o primeiro país do mundo a conceder uma licença de construção de um depósito de resíduos nucleares subterrâneos permanente, concretamente na ilha de Olkiluoto. Reuters.
  • É improvável que o glifosato, a substância mais utilizada como herbicida, represente um perigo cancerígeno para o ser humano, diz relatório da Autoridade Europeia de Segurança Alimentar. Esta atitude contradiz a anunciada em março pela agência de combate ao cancro da Organização Mundial da Saúde, que considerou como cancerígeno possível ou provável cinco pesticidas, entre eles o glifosato. UOL.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue