Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Seis jazidas de petróleo localizadas em Portugal


Imagem retirada daqui.
  • Seis jazigas de petróleo foram localizadas em Portugal, admite a britânica IONIQ Resources. A IONIQ Resources pertence à IONIQ Capital, uma trader no sector das matérias-primas, cujo chairman é Charles Masefield, um antigo piloto que foi um dos principais responsáveis pelo negócio de armamento no Reino Unido durante os governos de John Major e Tony Blair. Entre 1994 e 1998, presidiu à Defense Export Services Organization (DESO), um departamento discreto do governo britânico, com a tarefa de promover as exportações de armamento produzido por empresas britânicas. Cinco anos depois e até 2007, tornou-se presidente do gigante tecnológico militar British Aerospace Systems (BAE Systems), uma das maiores empresas mundiais do sector.  A empresa, com sede fiscal em Chipre, é representada em Portugal pela IONCP. Um dos cinco sócios é Paulo Caetano, que foi colega de Pedro Passos Coelho como administrador da Fomentinvest (que era liderada por Ângelo Correia), um conglomerado de empresas de energia e ambiente onde o primeiro-ministro trabalhou até ser líder do PSD.
  • Uma série de 77 terremotos no Ohio, incluindo um suficientemente forte para ser sentido por seres humanos, foi provocado pela polémica tecnologia da fraturação hidráulica, garantem cientistas.
  • O norte do Texas, o berço da fraturação hidráulica, registou 11 pequenos tremores de terra nas últimas 24 horas. Até 2008 só fora registado um tremor de terra em Fort Worth Basin. Desde então foram registados mais de 100 pequenos tremores de terra na região.
  • A Austrália acelera projetos de minas de carvão perante estudo da UCL Institute for Sustainable Resources que conclui que 80% das reservas deviam permanecer no solo de modo a evitar alterações climáticas perigosas.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue