Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Sim, os transgénicos são venenosos



Gilles-Eric Seralini, professor de biologia molecular da universidade de Caen, França, já alertara em 2006 para a toxicidade, por vezes letal, do milho transgénico em ratos de laboratório e sugerira a sua retirada do mercado. Investigações posteriores levadas a cabo em dois países, sob condições muito cuidadosas e sigilosas, confirmaram que o NK603 da Monsanto é venenoso: a partir do 13º mês de experiências, os ratos de laboratório alimentados a milho transgéncio mostraram danos irreparáveis nos seus fígados e rins, enquanto as fêmeas viam  tumores mamários crescerem até atingirem 25% do peso do seu corpo, acabando por explodir em série. Os tumores desenvolveram-se muito mais depressa em ratos que comeram milho transgénico: 20 meses mais cedo nos machos, 3 meses mais cedo nas fémeas. Para um animal que tem uma esperança de vida de 2 anos isso é muito, tendo em conta que 1 ano de vida de um roedor equivale a 40 anos de vida do homem. E saber que há muito boa gente que defende os transgénicos...
Share:

6 comments:

OLima disse...

Entretanto, Espanha autorizou o cultivo deste milho venenoso em várias localidades. Ler aqui, com mapa:
http://noticias.terra.es/espana/espana-autorizo-el-cultivo-del-maiz-transgenico-cuestionado-en-francia,f73ac7f8cdfd9310VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html

OLima disse...

O governo austríaco já exigiu à Comissão Europeia a revisão dos parâmetros de aprovação dos transgénicos.
http://af.reuters.com/article/commoditiesNews/idAFL5E8KKEFE20120920

OLima disse...

E os Friends of the Earth Europe
exige a suspensão imediata do cultimo e consumo de transgénicos.
http://www.foeeurope.org/new-research-safety-concerns-GMOs-200912

OLima disse...

Comment un OGM, un pesticide et un système peuvent être toxiques
http://www.lemonde.fr/idees/article/2012/10/26/comment-un-ogm-un-pesticide-et-un-systeme-peuvent-etre-toxiques_1781645_3232.html

OLima disse...

A Monsanto escusou-se a responder a uma série de perguntas enviadas pela Agência Nacional da Segurança Sanitária da alimentação, do Ambiente e do Trabalho (Anses) no sentido de esclarecer e aprofundar os resultados do estudo levado a cabo por Seralini e que alertavam para o facto de o milho transgénico KN603 ser altamente tóxico. Le Quotidien du Medecin.
http://www.lequotidiendumedecin.fr/actualite/sante-publique/ogm-comment-monsanto-echappe-l-audition-de-l-anses

OLima disse...

A large number of scientists and academics from around the world have also signed onto an open letter which supports the research of Seralini et al and protests the way in which the GM approval process is rigged in favour of applicants and is backed up by the systematic suppression of independent scientists working in the public interest. This it says is making "an honest, rational or scientific debate" impossible.
http://independentsciencenews.org/health/seralini-and-science-nk603-rat-study-roundup/

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue