quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Mão pesada

Imagem apangada aqui.

Penas de até nove anos de prisão e multas de um milhão de euros foram proferidas em Paris no processo «Crépuscule». Este processo tem o nome de uma empresa que operava no mercado de cotas de carbono, num esquema de fraude muito bem organizada e que custou ao estado francês 1,6 biliões de euros. O esquema consistia na compra de emissões de CO2 isentas de impostos num país estrangeiro antes de as revender em França a um preço incluindo o IVA, e depois investir os fundos numa nova transação. O IVA nunca foi devolvido ao Estado. Le Figaro.

Sem comentários: