Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Bico calado

Imagem colhida aqui.

«Donald Trump, nas Nações Unidas, em 19 de setembro declarou estar "pronto, disposto e capaz" de "destruir totalmente" a Coreia do Norte e os seus 25 milhões de habitantes. A sua rival, Hillary Clinton, também se gabou de estar preparada para "destruir totalmente" o Irão, uma nação com mais de 80 milhões de pessoas. Este é o estilo americano, agora sem eufemismos. A maioria da violência dos Estados Unidos em todo o mundo foi perpetrada não só por republicanos, ou mutantes como Trump, mas também por democratas liberais. Barack Obama protagonizou a apoteose, com sete guerras simultâneas, um recorde presidencial, incluindo a destruição da Líbia como um estado moderno. O derrube do governo eleito da Ucrânia teve o efeito desejado: a acumulação de forças norte-americanas lideradas pela NATO na fronteira ocidental da Rússia, invadida pelos nazis em 1941. O "pivô para a Ásia" de Obama em 2011 sinalizou a transferência da maioria das forças navais e aéreas da América para a Ásia e para o Pacífico com o único objetivo de provocar a China. A campanha mundial de assassinatos do Prémio Nobel da Paz é indiscutivelmente a mais extensa campanha de terrorismo desde o 11 de setembro.» John Pilger, in The Killing of HistoryOff-Guardian.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue