Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Bico calado

Imagem captada aqui.
  • O que resta de Gibraltar se eliminarem o paraíso fiscal? pergunta Richard Murphy. Gibraltar vive do jogo online (888, bwin.party, Ladbrokes, William Hill), do comércio eletrónico e de serviços financeiros. O jogo online emprega cerca de 10% dos 32 mil habitantes do território. 12 mil espanhóis cruzam a fronteira diariamente. Gibraltar existe enquanto funcionar como paraíso fiscal controlado pelo Reino Unido, o que incomoda a Espanha, especialmente quando o Reino Unido se prepara para abandonar a UE. Seria muito desagradável ver muito dinheiro espanhol ser «otimizado» num vizinho que já não pertence ao clube. A solução será eliminar o paraíso fiscal e entregar Gibraltar ao Reino Unido, a menos que o povo de Gibraltar vire a casaca e decida fazer parte de Espanha. De modo algum parece que Gibraltar esteja interessado na independência: nem tem capacidade para isso nem Espanha estará interessada.
  • Ataque com armas químicas na Síria é notícia falsa: a Síria não tem armas químicas, garante um relatório de 2014; depois disso, resíduos de gás sarin têm sido detetados em ataques levados a cabo por forças terroristas na região; forças russas não efetuaram nenhum ataque; as fontes citadas não são credíveis, nomeadamente a Syrian Observatory for Human Rights, há muito desmascarada por não ter gente no terreno e ser um órgão de propaganda antissírio. TheDuran.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue