Notícias sobre Ambiente. Sem patrocínios privados ou estatais. Desde janeiro de 2004.

sábado, 15 de julho de 2017

Bico calado

Imagem captada aqui.
  • «(…) Nuno Magalhães chamou cobarde a Costa por ter ido de férias, esquecendo que não há maior cobardia do que a que ele próprio protagonizou, ao recusar assumir a paternidade de um filho que o tribunal provou ser seu. Telmo Correia veio falar  de assinaturas levianas de diplomas, esquecendo  que foi Assunção Cristas quem admitiu ter assinado diplomas de cruz, sem ler, enquanto estava de férias (…) » Carlos Barbosa de Oliveira in Bar aberto na AR?
  • «O esquema é o seguinte: A PT vende determinado departamento a um testa-de-ferro ou a uma empresa sem património; com essa venda e a coberto da lei, são transferidos também os trabalhadores; concretizada a venda, é realizado um despedimento coletivo; com esse despedimento coletivo, e como não há património da empresa, os trabalhadores não recebem qualquer indemnização, ficando apenas com o subsídio de desemprego que é pago pelo Estado.» Pedro Filipe Soares in A lei da selva na PTDN.
  • «Salários de miséria, diz a cartilha do empresário português que é espremendo o trabalho que se acumula riqueza. Acumular é preciso. Só os que acumulam têm acesso às maiores negociatas. A da privatização da GALP, que era de todos, deixou de o ser pela mão de Sócrates, foi um negócio tão mau para todos e tão bom para ele que o tornou o mais rico de Portugal. Agora é o mais rico do cemitério. Valeu a pena, Américo? Não te esqueças das chaves da mansão e do carro, dos cartões de crédito e de débito, da lista com os telefones dos facilitadores, do manual de evasão fiscal para grandes filantropos, da escarradeira de ouro. Boa viagem, pá.» Filipe Tourais, FB.
Share:

0 comments:

Translate

Pesquisar no Ambiente Ondas3

Património

O passado do Ambiente Ondas3

Ver aqui.

Amig@s do Ambiente Ondas3

Etiquetas

Arquivo do blogue